BRT terá de adaptar estações para operação de novo modelo de ônibus (O Globo)

BRT terá de adaptar estações para operação de novo modelo de ônibus (O Globo)

[retirado do site d’O Globo]

Inauguradas há pouco mais de um ano, estações do BRT Transoeste (Barra-Santa Cruz) já terão que passar por reformas para que os ônibus articulados com quatro eixos, lançados no mercado brasileiro depois que as obras foram concluídas, operem com mais eficiência. O primeiro veículo, com capacidade para 205 passageiros (contra 145 dos carros tradicionais), começa a circular em fase de testes a partir desta segunda, sem que os usuários possam embarcar ou desembarcar pela parte traseira. O motivo: não havia previsão para circulação de ônibus mais longos.

A estratégia de operação de corredores de BRT presume que os usuários embarquem e desembarquem o mais rapidamente possível. O custo das adaptações será arcado pelo Consórcio Operacional BRT. Como revelou O GLOBO na edição deste sábado, trata-se de uma empresa que tem entre os sócios os próprios empresários de ônibus que operam no Rio.

Inicialmente, o novo veículo só vai parar nas estações da linha expressa (Salvador Allende, Gláucio Gill, Recreio, Mato Alto e Magarça). As adaptações das estações ocorrerão com o veículo em testes.

Segundo o consultor do Consórcio BRT, Fernando Aurélio, projetos de estações de futuros BRTs (Transcarioca, Transbrasil e Transolímpico) estão sendo revistos para receber os novos modelos de ônibus articulados. Nos futuros corredores, as adaptações serão pagas pela prefeitura.

Em coletiva neste sábado, o prefeito Eduardo Paes disse que a nova frota amplia em cerca de 30% a capacidade de passageiros. Paes afirmou ainda que o corredor expresso é uma resposta para as revindicações da população por transporte de qualidade e reclamou das críticas ao serviço:

— Se necessário, vamos ampliar ainda mais o número de ônibus. Nos próximos três, quatro anos, vamos ter a maior parte da população do Rio andando de BRT. Pode ficar melhor? Pode. Mas não dá para dizer que é uma porcaria de jeito nenhum.

Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/rio/brt-tera-de-adaptar-estacoes-para-operacao-de-novo-modelo-de-onibus-8856520#ixzz2Xd6nIg00
© 1996 – 2013. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A.


Comentário: As estações expressas poderiam já ter sido planejadas para ônibus BIARTICULADOS, que possuem capacidade ainda maior que esse articulado que vão colocar. A falta de visão de mercado e planejamento ficam evidentes e a torcida, embora com pouca ou nenhuma esperança, é de que aprendam e percebam que a demanda para as novas linhas de BRT será enorme (em especial, a Transcarioca e a Transbrasil) e que os projetos sejam revistos para utilização de carros biarticulados para as linhas expressas.

Advertisements

2 thoughts on “BRT terá de adaptar estações para operação de novo modelo de ônibus (O Globo)

  1. Pingback: BRT Transoeste – Relato 1 | Diário do Transporte Coletivo RJ

  2. Pingback: Transcarioca terá BRT Biarticulado | Diário do Transporte Coletivo RJ

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s